A Bienal Art’Oeste Internacional chega ao Palácio Baldaya

Na foto: Anunciação Gomes e Olívia da Costa

.
A Bienal Art’Oeste Internacional, com as 31 obras de 31 artistas plásticos, chega ao Palácio Baldaya.

A Bienal Art’Oeste Internacional consiste na realização de um circuito itinerante de exposições de artes plásticas contemporâneas, associado a itinerários turísticos. Este ano, conta com a participação especial da República Democrática do Congo, com nove obras em representação.

 

Um palácio para receber as 31 obras de 31 artistas é uma escolha adequada!

Um Palácio tem história e guarda as histórias das vidas das pessoas que por ali passaram. Uma obra de arte proporciona a quem a observa uma viagem no seu mundo interior, desperta emoções e deixa sentimentos que, mais ou menos intensos, ficam guardados na memória.

O Palácio Baldaya situado na Estrada de Benfica, deve o seu nome a Dona Maria Joanna Baldaya que em 1840, recebe uma parte da “Quinta do Desembargador” como presente de casamento. No entanto a história do palácio começa em 1783, data da primeira referência escrita que confirma a existência da “Quinta do Desembargador”.

Depois de vários usos e de um século fechado ao público, o Palácio Baldaya é agora um polo cultural e de inovação. É aqui, neste palácio de belos tetos e um fresco jardim, que entre o dia 6 e 30 de julho, a Bienal Art’Oeste nos dá a conhecer os 31 artistas plásticos e as suas 31 obras de arte.

 

A inauguração da Bienal Art’Oeste 2019 no Palácio Baldaya

A inauguração marcada para o próximo dia 6 de Julho, pelas 21 horas, constitui um evento a assinalar.

A curadoria está a cargo de:

  • Olívia da Costa, arquitecta – presidente da marca Costa Verde e Prata e vice-presidente da Cultartis
  • Anunciação Gomes, artista plástica – presidente da Cultartis

 

O programa:

 

 ………………………………. Bienal Art’Oeste 2019 no Palácio Baldaya

 

 

Facebook Art´Oeste 2019: Palácio Baldaya – Art’Oeste Internacional 2019

Facebook:  Palácio Baldaya

 

Também pode gostar

Deixar uma resposta