Terras japonesas em memória!

Terras japonesas em memória! A Sayo, conhecida por MIKA, leva-nos a conhecer sítios há muito, por si descobertos, que assinala como privilegiados na sua memória.

As descrições e as imagens que Sayo nos concede, permitem-nos viajar e imaginar estes locais enigmáticos de terras japonesas gravadas na sua memória.

 

Vamos fazer uma viagem até ao Japão. Quais os locais que permanecem sempre na tua memória?

Os veados “selvagens”

NARA – Uma antiga capital do Japão como Kyoto. Esta cidade, tem muitos templos e santuários históricos registados como Património Mundial.
É conhecida por ter veados “selvagens” que vivem na cidade. São animais simpáticos que já se habituaram ao bulício da cidade. A população gosta de os ter por perto e proporcionam uma boa experiência para os turistas e para os amantes da natureza. Quando chegas a Nara, logo à saída da estação, podes observar os veados. Até parece que eles já estavam à tua espera para te darem as boas-vindas.

Para uma experiência mais próxima com os encantadores veados, podes comprar guloseimas numa das várias lojas que vendem biscoitos próprios. Os veados já conhecem o cheiro e o ritual dos biscoitos. Quando sais de uma loja com os biscoitos, viras-te para trás e muitos deles aproximam-se imediatamente. Por vezes são tão insistentes que dificilmente vais conseguir sair dali.

Eles gostam mesmo dos biscoitos! Até te fazem uma vênia!

Geralmente vivem na cidade durante o dia e voltam à montanha à noite.

Uma viagem no tempo

SHIRAKAWA GO – Uma aldeia histórica montanhosa no centro do Japão, inserida numa paisagem com enquadramento belíssimo que trago guardado na minha memória. Está registada como Património Mundial. As casas são feitas de madeira e os telhados são de palha. Quando chegares lá, vais achar que estás numa “Viagem do tempo”.

Há muitas montanhas à volta. No outono, podes ver montanhas coloridas. As folhas mudam de cor: amarelas, vermelhas e castanhas. São mesmo muito bonitas!  Se olhares para as montanhas, para tudo o que te rodeia e te deixares envolver por esta atmosfera tão próxima da natureza, vai fazer parecer que entraste num mundo encantado.

Convidamos a participar nos próximos eventos da Mika:

 

Leia aqui a entrevista a Sayo e fique a conhecer melhor esta japonesa apaixonada por Portugal

Leia aqui a conversa com Sayo sobre Origami, uma arte japonesa criativa

Também pode gostar

Leave a Reply