A arte nas ruas – Street Art

Publicidade

A arte nas ruas, nas suas várias manifestações, são consideradas como um museu a céu aberto! A arte na rua acontece, nos lugares menos esperados, em paredes e muros degradados. Estas manifestações artísticas com caráter dinâmico e efêmero são, no entanto, imortalizadas em fotografias e vídeos. Têm admiradores por todo o mundo. As imagens de arte nas ruas circulam nas redes sociais e resultam, muitas vezes, no reconhecimento do artista.

A expressão artística nas ruas, embora remonte a tempos mais antigos, surgiu de forma mais consistente nos Estados Unidos na década de 70.

As artes nas ruas estão muito presentes nas cidades mais turísticas durante os meses de verão. Ao saírem de áreas restringidas a museus, galerias e salas de concertos, as expressões artísticas nos espaços públicos têm alguma controvérsia. Se por um lado, já são consideradas como um museu a céu aberto, em certa medida, também são consideradas marginais por transgredirem o ordenamento do espaço público, controlado pelas autoridades competentes. Nesta vertente, não podemos deixar de assinalar a diferença entre as expressões de arte na rua das situações que são puro vandalismo.

Os artistas de rua recorrem a temas bem diversos para expressarem a sua arte, existindo muitos trabalhos que constituem críticas sociais, políticas e económicas como forma de comunicação dentro da sociedade.

 

Música

Nas cidades é habitual encontrar músicos tocando nas ruas e praças. A sua presença nas ruas dá vida aos espaços urbanos mostrando o poder da arte na rua e em específico da música.

Música na rua - São as folhas que caem, a claridade que mirra, o frio que se acende, as noites que crescem
Música na rua

Os músicos de rua que usam os espaços públicos para exercerem sua arte seduzem os transeuntes que interrompem o seu caminho para usufruir um momento de lazer e prazer.

Música na rua

Música e Dança na rua

As apresentações a céu aberto e em espaços públicos permitem o acesso a todas as pessoas de forma indiscriminada desde os turistas aos habitantes locais. Por serem atuações gratuitas podemos dizer que constituem uma prática democrática.

 

Estátuas vivas

As estátuas vivas muito comuns nas grandes cidades como forma de entretenimento turístico. Os artistas, pintados e caracterizados, realizam um importante trabalho com o corpo, permanecendo imóveis durante longos períodos ou realizando pequenos movimentos.

Street Art

 

Fachadas e grandes muros pintados

Notáveis artistas de todo o mundo dão nova vida com desenhos imaginativos e com cor a lugares inusitados e, muitas vezes, a edifícios degradados.

Esculturas – Arte Urbana

A escultura espalhada pelas cidades são, fundamentalmente, manifestações de caráter institucional ou empresarial, promovidas por autoridades locais como forma de valorizar os espaços públicos urbanos, não sendo neste caso, consideradas de arte de rua (Street Art ). Estas obras expostas ao público, constituem uma forma de aproximação e divulgação da arte proporcionando momentos de prazer.

 

.

Sobre este tema leia:

Entrevista ao artista Duarte Burnay

À conversa com Duarte Burnay, artista plástico

Arte urbana em Cascais com a participação da artista  Gizela Nogueira

Gizela Nogueira na “ARTE URBANA EM CASCAIS”

Também pode gostar

Leave a Reply